Sacola de Compras

* Calcule seu frete na página de finalização.

* Insira seu cupom de desconto na página de finalização.

17/12/2018

Ele podia ter desistido, mas quis ir além.

Em Outubro de 2013, se deslocando de moto para o trabalho, um carro invadiu a mão contrária e atingiu Deyvison, que perdeu a perna direita e quebrou a mão no acidente.

 

Mesmo já sem a perna ele permaneceu consciente e auxiliou os médicos em seu próprio resgate. Chegando ao hospital, sofreu três paradas cardíacas, contraiu uma forte infecção por bactéria e, após ter lutado pela vida, sofreu de depressão por saber que ela tinha mudado naquele acidente. Sempre ativo, se via incapacitado de praticar as atividades físicas que sempre gostou.

 

O desejo de vencer foi maior. “Não foi um acidente, foi um milagre para encontrar meu propósito”. Propósito este que veio através da corrida de rua. Em Janeiro de 2018, Deyvison correu a sua primeira prova de 5km de muletas, com muita dor e persistência, e cruzou a linha de chegada após duas horas e meia de prova.

 

Aquela sensação de impactar pessoas com a sua força de vontade o fez seguir em frente e buscar novos desafios. Ele se sentiu na ativa novamente. Atualmente, já tem em seu currículo uma prova de 21km, mas seu grande objetivo é completar uma maratona.

 

O sonho de Juju (@jujuatletarunner), como é conhecido, é se tornar atleta paraolímpico, mas para isso ele precisa de uma prótese que não consegue pagar.

 

Todos que desejam ajudar nessa história de superação podem realizar uma contribuição através do link clicando aqui!

 

E você, qual a sua desculpa para correr atrás dos seus sonhos?